16 de Novembro de 2009

...puxar a brisa à nossa sardinha...

 

Hoje é o Dia Nacional do Mar, meus fiéis.

Eu acho muito bem, muito sentimental, bastante português.

Mas da maneira que tem chovido, só espero que não chovam baleias...não sei se é pedir muito.

Resolvi fazer uma incursão até à beira-mar para ser bafejado pela sua brisa. Acabei também por levar com areia, um saco de plástico, um bocado de rede com uma bóia, salpicos de petróleo, uma descarga de uma sanita voadora (gaivota), uma Caravela Portuguesa que trazia uma alga como cachecol e o volume VI da Língua Portuguesa...

 

De coisas que, hipoteticamente podiam ser levadas por uma enchorrada até ao mar e tirando o mais óbvio, o que seria dispensável para vós?

- O SARAMAGO!

- Meninos, então!?

- JESUS!

- Mau!...o do futebol ou o do catolicismo?

- PODEM SER OS DOIS!?

- Acho que este exercício foi má ideia...

- O QUÊ? VAMOS TER UM EXAME!?

- Vá meninos, agora a sério.

- EU UMA VEZ, TIVE UM TIO QUE FOI LEVADO POR UMA CORRENTE NO RIO TEJO E DEPOIS, PASSADOS 20 ANOS, APARECEU NO RIO DE JANEIRO!

- Isso é patético.

- AH POIS, ELES ANDAM AÍ! ARREPENDEI-VOS! ARREPENDEI-VOS!

- Eu desisto...

 

Uma coisa que me faz tanta confusão como dinheiro de contas pessoais desaparecer sem deixar rasto e não se fazer nada para descobrir onde ele foi parar, é se o índice de criminalidade decresce quando chove?

Já não basta os dias serem cinzentos, a humidade do ar ser total, ter de andar a fugir da autoridade à chuva depois de atentar contra alguém e correr o risco de escorregar e partir a bacia, ainda se tem de viver na constante ansiedade de saber se amanhã faz ou não tempo de chuva.

Ser ladrão em tempo de chuva não deve ser nada fácil. E ainda mais difícil é, quando o acesso furtivo a caves de supermercado se faz através de janelas estreitas onde se pode correr o risco de ficar entalado...

 

Para acabar em esteada, gostava de deixar aqui um pequeno apontamento sujeito a prescrição médica. É adaptado de algo bastante popular, mas evitem cantar. Tem de ser declamado para se obter a essência:

 

Oh Rosa arredonda a saia,

oh Rosa arredonda-a bem.

Oh Rosa arredonda a saia,

quem dá mais por uma volta na Rosa, quem?

escrito por centrodasmarradas às 18:03 linque da crónica
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
15
18
19
20
22
23
25
27
28
29
os que venderam bem
6 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
mais sobre o espécime
saída de emergência
 
patacoadas
..ainda bem. Está na altura de trazer uma garrafa ...
Vinho é muito bom! concordo consigo :D
Esse reality show não teria grande sucesso, pois j...
...e será só ela, Rafeiro? Abraço...
Quando aparece o tipo a dizer porque é que a outra...
...a seu tempo, meu caro. A seu tempo...
...bem relevante!...e as garantias?...ningué...
Eu não sei se devemos dar dinheiro a esses tipos o...
1º Eu respondi a cena do ministro, queres a morada...
Eu juntava era esses criadores de dias mundiais e ...
blogs SAPO