24 de Novembro de 2009

...meter a coice, em ceara alheia...

 

Antes de mais, deixem que vos diga uma coisa. Eu tenho amigos e se eles apoiam a introdução de um compartimento secreto, para guardar documentação sensível nas suas próprias casas de banho, eu dou-lhes todo o meu apoio e não tenho vergonha de o afirmar!

 

Tão louca como a despedida de solteiro de José Saramago, é a razão pela qual me encontro nu a correr aos gritos por uma rua movimentada, perseguido por dois agentes num carro descaracterizado, dois rafeiros de tamanhos diferentes, três peixeiras e um bacalhau seco voador.

Já não se pode aproveitar quando uma conduta rebenta para tomar um banhinho de graça, já vem tudo e todos dizer que é uma badalhoquice, que é incorrecto e que é um atentado ao pudor!

Fosse eu um dirigente desportivo, presidente camarário ou um director geral de uma empresa do Estado, até sabonete líquido vinham trazer-me! Essa é que é essa! Os falsos!

 

Há ingratos em todo o lado. Tenham como exemplo o provérbio oriental bastante utilizado por quem é sovina ou pretende que os que se encontram em seu redor, a interpretem como uma pessoa sábia:

"não providencies o peixe, ensina a pescar".

Pois, é muito bonito, tem rendilhados e um fogo de artifício estrondoso. Mas experimentem encontrar um arrumador de carros (mitrus mitra), e ao saírem do carro, dêem-lhe antes um panfleto da linha S.O.S. ao invés da habitual moeda de 50 cêntimos.

No regresso, quando chegarem ao pé do carro, vão desejar ter ido à pesca. É bem feita para não se armarem em altruístas!

 

Enquanto tentava tirar de uma vaca as manchas que julgava serem de preto encardido, lembrei-me da lenga-lenga do trabalho infantil, deitar cedinho, comer verduras, não falar com padres estranhos, etc.

No que diz respeito ao esforço herculiano que um adulto tem de ter, para conseguir levantar-se já cansado nas Segundas Feiras de manhã, a TVI fomenta o cuidado de preparar os infantes de forma sub-reptícia, para uma experiência futura deveras pertinente. Eu acho louvável...

 

Já de seguida, o sorteio de quem vai ser obrigado a fazer de olhos vendados, toda a linha fronteiriça da Palestina com Israel.

Estando o sorteio feito, lavem bem o espaço entre divisões e tudo para a caminha da vizinha aquecer os pés.

escrito por centrodasmarradas às 23:55 linque da crónica
Curiosamente se não dermos a moedinha ao estoico funcionário, seremos nós a precisar de apoio.
blayer a 25 de Novembro de 2009 às 19:36
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
15
18
19
20
22
23
25
27
28
29
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

os que venderam bem
6 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
mais sobre o espécime
saída de emergência
 
patacoadas
..ainda bem. Está na altura de trazer uma garrafa ...
Vinho é muito bom! concordo consigo :D
Esse reality show não teria grande sucesso, pois j...
...e será só ela, Rafeiro? Abraço...
Quando aparece o tipo a dizer porque é que a outra...
...a seu tempo, meu caro. A seu tempo...
...bem relevante!...e as garantias?...ningué...
Eu não sei se devemos dar dinheiro a esses tipos o...
1º Eu respondi a cena do ministro, queres a morada...
Eu juntava era esses criadores de dias mundiais e ...
blogs SAPO