30 de Novembro de 2009

...deitar cedo e cedo erguer, dá trabalho e faz doer...

 

Eu devo confessar que sou a favor da canja.

Não há nada melhor para curar resfriados e futuros resfriados...até mesmo resfriados psicológicos.

Mas não é isto que quero dissertar quando estou num aviário de cutelo em riste, enquanto concedo o perdão a frango sim, frango não...

 

Serão mesmo as vacas alvos de estudos por parte de extraterrestres?

Para além da nossa natureza violenta e destrutiva, qual razão justificará o afastamento sistemático destes outros seres do universo?

Porque razão, pontualmente e após o repasto, levo o prato para outra divisão da casa que não a cozinha!?

 

Para esclarecer estas dúvidas e responder sobre o que usar vestido durante uma tempestade tropical, tenho comigo uma vaca leiteira que jura a patas juntas ter sido levada por extraterrestres.

Vou proceder a uma entrevista, sem deixar de sentir no entanto que, ou eu ou a vaca precisamos de ajuda profissional.

 

-...isto é estranho...Olá sra. Vaca.

- Olhe, em primeiro lugar sra. Vaca é a sra. sua mãe que não tem culpa nenhuma e devo dizer até que nutro uma grande admiração por ela. O meu nome é Evaristo Listo e sou Touro...

- Um touro!? Mas segundo o...

- Deixe-me acabar, homem! Sou Touro de signo. Julgava ser uma vaca leiteira antes do rapto, mas agora sou um boi.

- Ah! Portanto, foram os extraterrestres que lhe fizeram isso?

- Isso o quê!?

- A transformação! A mudança de sexo!

- Não! Eles é que descobriram aquando do rapto! Com esse acontecimento marcante, compreendi que havia algo em mim que não estava bem...

- E o que era?

- O facto de não ter tetas.

-...estou chocado...

- Também eles ficaram quando deram pela falha! Queriam uma vaca e sai-lhes eu na rifa...no prado, melhor dizendo. E graças a eles, tenho uma nova maneira de ver a vida.

- Quer dizer, um novo propósito na vida?

- Não. É literalmente uma nova maneira de ver a vida. Aquando da descida para o prado, a 2,5 metros do solo, o feixe de teletransporte enfraqueceu e eu caí de cabeça. Agora turva-se-me um pouco a visão...

- Estou a ver. Bom, "voltando à vaca fria", sr. Evaristo...

- Perdão!? Considero isso ofensivo!

- Não foi com o intuito de o ofender! Repare, é uma forma de expressão e que, neste caso, significa voltar ao assunto que estávamos a falar, entende?

- Vou dar-lhe o benefício da dúvida. Embora fique algo apreensivo...

- Adiante, como foi o contacto com a forma de vida alienígena? Foi a primeira vez?

- Foi a primeira vez e foi bastante rápido. Basicamente tratou-se de "tragam a vaca!", "isto não é uma vaca!", "ups! erro!", "mandem o boi de volta!".

- Então nada de luzes fortes?

- Não.

- Marquesa esterilizada e instrumentos de metal cortantes!?

- Não.

- Exames e recolhas de tecidos!?

- Receio que não.

- Implantes de transmissores-receptores subcutâneos!?

- Nada.

- E os extraterrestres?

- Abriram-me os olhos! É como lhe digo!

Quer dizer, aquela queda turvou-me literalmente o campo de visão, mas...

- Mas já é um boi.

- Exactamente!

- Bom, parece que já tenho informação suficiente.

- Espere aí, fique mais um bocadito. Coma uma porção de feno. Não se acanhe!

- Olhe, até sou capaz de aceitar porque já não como nada desde ontem ao final da tarde. E depois, tive de passar toda a noite a martelar o tejadilho do carro que ficou misteriosamente danificado...parece que alguém se sentou em cima.

- Ou caiu...

- Pois...

escrito por centrodasmarradas às 15:47 linque da crónica
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
15
18
19
20
22
23
25
27
28
29
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

os que venderam bem
6 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
mais sobre o espécime
saída de emergência
 
patacoadas
..ainda bem. Está na altura de trazer uma garrafa ...
Vinho é muito bom! concordo consigo :D
Esse reality show não teria grande sucesso, pois j...
...e será só ela, Rafeiro? Abraço...
Quando aparece o tipo a dizer porque é que a outra...
...a seu tempo, meu caro. A seu tempo...
...bem relevante!...e as garantias?...ningué...
Eu não sei se devemos dar dinheiro a esses tipos o...
1º Eu respondi a cena do ministro, queres a morada...
Eu juntava era esses criadores de dias mundiais e ...
blogs SAPO