13 de Janeiro de 2010

...homem velho e mulher nova, filhos até que estorva...

 

Existem certos assuntos como este, que nem mesmo com o "Manual de entendimento para humanos com capacidade intelectual equitativa a um Pan Troglodytes", consigo encontrar solução.

Por isso meus fiéis, observem diante de vós a magnânima rubrica:

"A MONTANHA QUE TOMOU LAXANTE E NÃO PÁRA DE ESVAIR-SE EM RATOS"!

Fiz uma cuidada dissecação das inúmeras previsões feitas no passado e no presente, sobre o estado do futuro para o...para o futuro.

As que me interessaram coincidem, por obra da minha astuta experiência, com a estupenda teoria que pretendo provar.

 

Nostradamus que andou pelo Sul de França entre 1503 e 1566, previu o términos da Igreja após 20 séculos de história e catástrofes que ditavam uma espécie de apocalipse. Afinal, a Igreja continuou (e o mundo continuou...moribundo, mas continuou)...

 

O Calendário de Longa Duração Maia, prevê que algo de muito grave se irá passar no solstício de Inverno, nomeadamente no dia 21 de Dezembro de 2012. Afinal de contas e como os Maias tinham uma noção "circular" do tempo, o algo de muito grave é provavelmente este calendário voltar ao ponto zero (os Maias gostavam de voltar à Casa Partida para receber dádivas, creio eu)...

 

Em 2036, existe o risco de haver uma colisão catastrófica de um asteróide com o tamanho de dois campos e meio de futebol chamado Apophis, com a Terra. Afinal vai-se a ver e segundo novos cálculos feitos pelo Jet Propulsion Laboratory da NASA (em Pasadena na Califórnia), a estimativa é agora de uma em 250 mil, a anterior era de uma em 45 mil (sinto-me mais tranquilo, embora o fogo de artifício não vá ser a mesma coisa)...

 

Por último, mas igualmente relevante, se até 2052 não se travar as emissões de gases nocivos para a atmosfera, basta unicamente dizer que não vai valer a pena fazer mais cimeiras teatrais ou circenses (a Terra passa a ser um quadro de natureza morta, ou um quadro morto de natureza...morta)...

 

Olha a mudança de assunto a passar à direita!

Com o intuito de relembrá-las acerca do rastreio de cancro da mama, andaram a perguntar ás mulheres qual a cor do seu soutien.

Eu acho uma fantástica ideia e não quero deixar passar a oportunidade de agradecer à pessoa que desbravou o caminho antes fechado a tarados do parque e que tornou possível "rematar" a sangue frio, as perguntas que antes eram consideradas íntimas e pessoais.

Graças a ela "quebrar o gelo" com esta pergunta, vou poder passar a fazer o mesmo nos meus primeiros encontros. Assim que perguntar "Qual é a cor do teu soutien?" e depois de levar o estalo na cara, remato com um surpreso e não vacilante "Então!? É por uma boa causa!". Todos vão estar do meu lado, desaprovando com olhares de indignação a reacção irracional da miúda.

Agora que penso nisso, muita sorte tiveram as conservadoras da pessoa que se lembrou disto, não perguntar qual era a cor das cuequinhas para que as mulheres se lembrassem do exame de rastreio do cancro do colo do útero. E eu também tive, convenhamos. O segundo estalo dói sempre um pouco mais.

 

Já agora, a título de curiosidade, o nome científico do Chimpazé-Anão é Pan Paniscus...

escrito por centrodasmarradas às 00:20 linque da crónica
A NASA, a mesa associação que comprova e testa pentes radioactivos...
blayer a 16 de Janeiro de 2010 às 15:33
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
14
15
16
17
18
19
21
22
25
26
27
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

os que venderam bem
6 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
mais sobre o espécime
saída de emergência
 
patacoadas
..ainda bem. Está na altura de trazer uma garrafa ...
Vinho é muito bom! concordo consigo :D
Esse reality show não teria grande sucesso, pois j...
...e será só ela, Rafeiro? Abraço...
Quando aparece o tipo a dizer porque é que a outra...
...a seu tempo, meu caro. A seu tempo...
...bem relevante!...e as garantias?...ningué...
Eu não sei se devemos dar dinheiro a esses tipos o...
1º Eu respondi a cena do ministro, queres a morada...
Eu juntava era esses criadores de dias mundiais e ...
blogs SAPO