20 de Dezembro de 2010

...o mal comum, é meia alergia...

 

Estou aqui algures num hipermercado, onde neste momento acabo de ser bombardeado e violentado por uma chuva de recibos de máquinas multibanco que se precipitaram copiosamente sobre mim! Mesmo assim, prossigo...

 

Poderia ter acontecido num qualquer conflito duma caixa de hipermercado, mas não foi assim. Eric Cantona incitou a que os cidadãos retirassem todo o seu dinheiro dos bancos em jeito de protesto contra a crise financeira, que levou recentemente a medidas de austeridade e que ameaçam por sua vez a retoma económica. O povo português sorri em tom jocoso e acusa Cantona de já chegar tarde. Tudo porque na época natalícia, este povo une-se e bate o recorde nos levantamentos por multibanco, ano após ano, deixando assim as suas contas bancárias tão secas e negativas, como o ar frio do Atlântico Norte. Desta maneira por um lado arruma-se a crise, por outro arruma-se com os bancos, os bancos ficam arrumados com a crise e por isso arrumam com os portugueses, estes ajudam-se a si próprios a ficarem arrumados com os bancos e...vamos avançar...

 

O aeroporto norueguês foi recentemente encerrado devido a um pacote suspeito. Por momentos, surgiu-me a forte possibilidade de o Eng. José Sócrates andar a querer chegar a uma boa maneira de evadir-se de Portugal, envolto em cartão canelado...

 

Resolvi fazer uma nova sondagem à boca da boca de incêndio e perguntar acerca do Governo pretender esconder a degradação do controle da despesa pública. O máximo que consegui foi um banho violento a jacto de água inquinada, um ouvido tapado e um rótulo de uma marca conceituada de queijo-creme na testa, por ter sido arremessado contra um contentor de lixo orgânico...

 

Despeço-me com um grande e especial bem-haja à Dona Clotemilde Morcena, moradora em Vale de A da Rega, nº 22, por finalmente ter conseguido o seu objectivo de vida - fazer com que fossem cortadas duas reformas ao caloteiro do seu ex-marido, deixando-o somente com uma de 300€/mês. Muitos tivessem a coragem de ajudar o Estado com este e outros exemplos de iniciativas, estávamos há muito na fila da frente de Bruxelas...

escrito por centrodasmarradas às 12:11 linque da crónica
Faltou dizer que o Cantona mandou a boca mas o dinheiro dele ficou quietinho no Banco!

Abraço, jove, bom Natal!
...eu acho que ele tem um banco debaixo do colchão.
Bom Natal, boas entradas e 2011 em grande, Rafeiro Perfumado...
Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
14
16
17
18
19
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

os que venderam bem
6 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
mais sobre o espécime
saída de emergência
 
patacoadas
..ainda bem. Está na altura de trazer uma garrafa ...
Vinho é muito bom! concordo consigo :D
Esse reality show não teria grande sucesso, pois j...
...e será só ela, Rafeiro? Abraço...
Quando aparece o tipo a dizer porque é que a outra...
...a seu tempo, meu caro. A seu tempo...
...bem relevante!...e as garantias?...ningué...
Eu não sei se devemos dar dinheiro a esses tipos o...
1º Eu respondi a cena do ministro, queres a morada...
Eu juntava era esses criadores de dias mundiais e ...
blogs SAPO